Acusado de feminicídio em Porto Calvo vai a júri nesta segunda (5)

Segundo os autos, Amaro Luiz deferiu vários golpes de faca contra a vítima, que faleceu dois dias após a agressão

Publicada em 05/02/2018 às 10:17
Assessoria
  
Júri popular absolve acusado por ocultação de cadáver em Traipu (Foto: ilustrativa) Júri popular absolve acusado por ocultação de cadáver em Traipu (Foto: ilustrativa)

A 2ª Vara de Porto Calvo leva a julgamento, na segunda-feira (5), o réu Amaro Luiz da Silva, acusado de feminicídio contra a ex-companheira, crime ocorrido em janeiro de 2016, em Porto Calvo. O julgamento, previsto para as 8h30, será conduzido pelo juiz José Eduardo Nobre Carlos.

Segundo a acusação, por volta das 19h30 do dia 2 de janeiro de 2016, Amaro Luiz deferiu vários golpes de faca contra Maria da Costa Silva, que faleceu dois dias após a agressão.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, o acusado mantinha um relacionamento familiar e doméstico com a vítima, caracterizando prática de violência doméstica.

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
JBuarque
São Luiz Net