Luciano Huck terá de deixar a Globo até dezembro caso queira ser candidato

Embora a decisão de Luciano Huck em se aventurar na vida pública não tenha relação direta com seu contrato com a Globo

Publicada em 13/11/2017 às 12:47
NaTelinha
  
Luciano Huck (Foto: Divulgação/Tv Globo) Luciano Huck (Foto: Divulgação/Tv Globo)

Cada vez mais envolvido na política e com pretensões cada vez mais sérias de se candidatar à Presidência da República, Luciano Huck tem poucas semanas para decidir seu futuro de uma vez por todas.

Segundo a Revista Veja, em reunião recente entre o apresentador e diretores do alto escalão da Globo, ficou definido que Luciano tem até o mês de dezembro para definir se seguirá carreira política ou não.

Embora a decisão de Luciano Huck em se aventurar na vida pública não tenha relação direta com seu contrato com a Globo, uma eventual candidatura o impedirá temporariamente de ter um programa de televisão - no caso, o "Caldeirão do Huck". A emissora carioca, ciente desta possibilidade, busca resolver essa questão antecedência superior à exigida por lei - que, para 2018, exigiria a saída de Luciano do ar em agosto.

Caso opte pela vida pública, o "Caldeirão do Huck" sairá do ar após quase 18 anos nas tardes de sábado da Globo.

Internamente, há várias movimentações para viabilizar a candidatura de Luciano Huck. O PPS já se mostrou disposto a tê-lo como presidenciável embora o trânsito com outros partidos não seja difícil: já houve encontros com o DEM e até mesmo algumas lideranças do PSDB veem com bons olhos sua candidatura após os escândalos envolvendo Aécio Neves. Neste último, no entanto, a preferência segue com Geraldo Alckmin e João Doria. O apresentador também já encomendou uma pesquisa eleitoral para mapear as suas reais chances junto ao eleitorado.

Procurada pela reportagem do NaTelinha para comentar a notícia, a Globo não retornou nosso contato. 

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
São Luiz Net