Projeto de música erudita celebra os 200 anos de Alagoas com concerto no Complexo Cultural do Deodoro

Evento apresenta repertório repleto de composições de músicos alagoanos. Atração é gratuita e acontece às 15h30.

Publicada em 28/09/2017 às 12:37 - Atualizada em 28/09/2017 12:39
G1
  
Grupo de música erudita realiza concerto com repertório repleto de composições de músicos alagoanos em homenagem aos 200 anos do estado (Foto: Divulgação) Grupo de música erudita realiza concerto com repertório repleto de composições de músicos alagoanos em homenagem aos 200 anos do estado (Foto: Divulgação)

O projeto Quartas Eruditas promove, nesta quarta-feira (27), um concerto com os músicos da Camerata Ero Dictus em celebração aos 200 anos de Alagoas, na sala de música do Complexo Cultural Teatro Deodoro, no centro de Maceió. O evento, que acontece às 15h30, é aberto ao público e tem a entrada gratuita.

Os músicos vão fazer uma homenagem ao bicentenário de Emancipação Política do estado com um repertório completo de composições de alagoanos talentosos, como Hekel Tavares, Misael Domingues e Tavares de Figueiredo, além do hino do estado. A expectativa de público é de aproximadamente 300 alunos.

Eles se apresentam com a regência do maestro Max Carvalho, coordenação instrumental de Elieser Cassimiro e coordenação vocal de Douglas Nascimento.

Com o objetivo de despertar o gosto pela música erudita, o projeto é realizado por meio de uma parceria entre a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (Diteal), e o Instituto de Cultura Ero Dictus. Os concertos têm caráter didático com participação efetiva do público, que canta e aprende sobre as músicas.

A diretora presidente da Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas, Diteal, Sheila Maluf, é grata pelo projeto e por tudo que ele representa.

“É lindo ver essas crianças em contato com a música erudita e mais ainda observar que elas estão gostando dos concertos. Agradecemos aos representantes das escolas que têm trazido os estudantes e aproveitamos para convidar quem ainda não trouxe os alunos”, conta.

O presidente do Instituto de Cultura Ero Dictus, professor Benedito Pontes, se emocionou com a última edição do projeto porque, além de ter tido um grande público, eles contaram com a presença de um aluno surdo, o Cauan Vinicius. “A música tem um importante papel educativo e cultural e ela é inclusiva. Esperamos poder levar os concertos para mais estudantes”, reforça.

Para a ida das escolas aos concertos, é preciso fazer agendamento que pode ser por e-mail escolasditeal@gmail.com ou por telefone (82) 98884-6885 e (82) 98819-5010.

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
São Luiz Net