ASA cede empate ao Fortaleza e continua na lanterna da Série C do Brasileiro

Com o resultado, a equipe Alvinegra chega a sua quinta partida sem vencer; na próxima rodada terá o time do Salgueiro como adversário, fora de cas

Publicada em 06/08/2017 às 10:51
Gazeta Web
  
Comemoração do gol da equipe Alvinegra, ainda no primeiro tempo  FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS Comemoração do gol da equipe Alvinegra, ainda no primeiro tempo FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

O ASA empatou com o Fortaleza, em 1 a 1, na noite deste sábado (5) e segue na lanterna do Grupo A da Série C. A equipe abriu o placar com Jhulliam, ainda no primeiro tempo, mas sofreu o empate com um gol do atacante Lúcio Flávio, na segunda etapa. O confronto foi válido pela 13ª rodada da competição.

Com mais esse empate, o time Alvinegro chegou a sua quinta partida seguida sem saber o que é vencer. Já o Fortaleza continua na vice-liderança da competição, dois a menos que o primeiro colocado CSA. 

Na próxima rodada, a o Fantasma joga fora de casa contra o Salgueiro, que está na quarta colocação da Série C. Já o Tricolor recebe o Cuiabá, no Castelão, em busca da liderança do Grupo A. 

O jogo

O ASA iniciou a partida disposto a sair da lanterna do da Série C. A equipe não tomou conhecimento do vice-líder Fortaleza e foi ao ataque, anulando quase por completo os ataques do Leão do Pici.

Logo aos cinco minutos, Lenadro Kivel deu o cartão de visita do Fantasma, chutando forte de fora da área, para Marcelo Boeck espalmara para o lado. Depois disso, o time seguiu no campo de ataque, valorizando a posse de bola. 

E aos 20 minutos, a recompensa. Em um dos muitos escanteios do Alvinegro na partida, Doda cruzou e Jhuliam conseguiu cabecear e mandar para o fundo das redes. A equipe Alvinegra abria o placar e conseguia sair da zona de rebaixamento. Dois minutos depois, mais uma boa chance para ampliar o placar com Lenadro Kivel, que recebeu dentro da área, matou no peio e chutou para a boa defesa do goleiro Marcelo Boeck.

O time Alvinegro seguiu melhor na primeira etapa, com uma defesa consistente. Prova disso é que a única boa chance do Tricolor na primeira etapa saiu dos pés do lateral do ASA, que na hora de afastar a bola, quase faz contra, de cobertura, precisando que o goleiro Carlão teve que se esticar para fazer a defesa, já nos 42 minutos de jogo.

Segundo tempo

Na segunda etapa os visitantes voltaram com mais vontade, em busca do gol de empate. E logo no início da partida, aos cinco minutos, o atacante do Tricolor colocou uma bola no travessão. 

E aos 14 minutos, um vacilo do goleiro Carlão deu a oportunidade que o Leão queria. Em uma cobrança de falta, o goleiro não conseguiu encaixar a bola e no rebote acabou derrubando o zagueiro do Fortaleza dentro da área. O árbitro marcou pênalti. Lúcio Flávio bateu bem no lado direito, deslocando o goleiro e conseguiu deixar tudo igual na partida.

O ASA ainda buscou acerar o jogo do meio para o fim com alterações no campo de ataque. Mas acabou não sendo efetivo, com seus atacantes desperdiçando bons momentos lá na frente. Enquanto o Leão do Pici parecia estar satisfeito com o resultado, saindo apenas em contra-ataques.

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
JBuarque
São Luiz Net

Curta no Facebook