Palmeiras, Vitória, Coritiba... ASA não teme os grandes na Copa do Brasil

Depois de eliminar o time paranaense, Alvinegro avança de fase na competição nacional pela décima vez. Agora, time aguarda quem passar de Paraná x Bahia

Publicada em 25/02/2017 às 00:31
GloboEsporte.com
  
Gol em cada tempo colocou o ASA na próxima fase da Copa do Brasil (Foto: Agência Estado) Gol em cada tempo colocou o ASA na próxima fase da Copa do Brasil (Foto: Agência Estado)

A classificação contra o Coritiba é mais um feito do ASA na Copa do Brasil. Contra o time paranaense, o Alvinegro avançou de fase pela décima vez na história da competição nacional. É o clube alagoano com mais classificações no torneio. CSA e Corinthians/Santa Rita estão em segundo lugar.

O começo na Copa do Brasil foi em 2001, mas sem sucesso. Parou na primeira fase após perder duas vezes para o Vitória por 2 a 1. No ano seguinte, a consagração. Em casa, ganhou de 1 a 0 do Palmeiras, que era comandado por Vanderlei Luxemburgo e tinha estrelas como o goleiro Marcos, os volantes Galeano e Magrão, além do meia Alex. Sandro Goiano foi o autor do gol da vitória. No jogo em São Paulo, derrota por 2 a 1, com novo gol do atacante Sandro Goiano, que ainda assim colocou o time na próxima fase.

Após a classificação em 2002, só voltou a passar de fase em 2010, ao eliminar o Nacional-AM. No confronto seguinte, caiu contra o Vasco. Em 2012, passou pelo Santa Quitéria-MA. Chegou à terceira fase pela primeira vez em 2013, quando deixou Santa Cruz-RN e Ceará pelo caminho. Na temporada seguinte, goleou o Paragominas-PA por 4 a 0 e avançou no jogo de ida. No ano de 2014, levou a melhor contra o Paragominas-PA.

A participação em 2015 marcou novo encontro com o Palmeiras. Na primeira fase, o Fantasma passou por São Raimundo-RR. Depois, o rival foi o Vitória. Empate em Alagoas por 1 a 1. Em Salvador, nova igualdade: 2 a 2, com Rayro e Didira marcando os gols do empate. Passou de fase. Na Arena do Palmeiras, o ASA soube segurar a pressão e empatou por 0 a 0. Pensando na renda, a direção do time alagoano vendeu o mando de campo, e a partida da volta foi disputada em Londrina, no interior do Paraná. Com o Estádio do Café tomado por palmeirenses, o time paulista venceu por 1 a 0, gol do atacante Gabriel Jesus.

Neste ano, a classificação contra a Ferroviária só saiu aos 46 minutos do segundo tempo. O atacante Leandro Kível aproveitou a sobra da bola dentro da área e empatou por 1 a 1, resultado que deu a vaga ao ASA. Contra o Coritiba, Leandro Kível e Eron fizeram os gols da vitória.

O ASA espera quem passar do confronto entre Paraná e Bahia. A partida será neste sábado, às 16h30, no Durival Britto, em Curitiba. O próximo jogo do Alvinegro será no dia 2 de março, uma quinta-feira, contra o Murici, em Arapiraca.

HISTÓRICO DO ASA

Nas 13 participações, o Alvinegro tem 40 jogos, com 12 vitórias, 13 empates e 15 derrotas. Eliminou Palmeiras, Nacional-AM, Santa Quitéria-MA, Santa Cruz-RN, Ceará, Paragominas-PA, São Raimundo-RR, Vitória, Ferroviária-SP e Coritiba. Passou da primeira fase em 2002, 2010, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2017. Além desta temporada, chegou à terceira fase em 2013 e 2015.

ALAGOANOS NA COPA DO BRASIL

O ASA é o clube de Alagoas com mais classificações: dez. CSA e Corinthians Alagoano, que tem atuado com o nome de Santa Rita, passaram seis vezes de fase. O CRB eliminou cinco times. O Murici passou duas vezes, sendo ambas em 2017.

O Azulão do Mutange eliminou Tuna Luso-PA, Vasco, Moto Club-MA, Ceará, Serra-ES e Santos. Até o momento, o Corinthians é o único alagoano que passou por três clubes no mesmo torneio. Deixou para trás Atlético-PR, Paranavaí-PR, Juventude-RS, Guarani, Potiguar-RN e Santa Cruz-PE. O CRB eliminou São José-AP, Fast Club-AM, Amadense-SE, Ivinhema-MS e Rondonópolis-MT. Juventude-RS e América-MG foram as vítimas do Murici neste ano

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
São Luiz Net
Ciclo Peças

Curta no Facebook