Após greve, aulas da Ufal recomeçam no dia 16 de janeiro de 2017

Professores terão 30 dias de férias após conclusão do ano letivo de 2016. Docentes encerraram a greve no dia 19 de dezembro

Publicada em 23/12/2016 às 16:44
G1
  
Universidade Federal de Alagoas (Foto: Reprodução) Universidade Federal de Alagoas (Foto: Reprodução)

Após o fim da greve dos professores da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), o Conselho Universitário (Consuni) se reuniu, na tarde desta quinta-feira (22), para discutir a reprogramação do calendário acadêmico. Por maioria dos votos, ficou dedicido que as aulas em todos os campi e unidades serão retomadas no dia 16 de janeiro de 2017.

A sede do Campus Arapiraca e do Sertão, em Delmiro Gouveia, além da unidade de Palmeira dos Índios, retomarão as atividades para concluir o semestre 2016.1. Já o Campus A. C. Simões e as unidades de Santana do Ipanema e Viçosa vão iniciar o semestre 2016.2.

Ficou aprovado ainda que os professores terão garantidos os 30 dias de férias após a conclusão do ano letivo de 2016. Os calendários dos semestres posteriores serão avaliados pela câmara acadêmica e as propostas serão apresentadas em uma próxima sessão.

Os docentes estavam em greve desde o dia 28 de novembro, em protesto a PEC do limite dos gastos públicos, que foi aprovada no Senado. No dia 31 de outubro, servidores e técnicos da Ufal entraram em greve por tempo indeterminado. Por causa da greve, a universidade adiou a matrícula para os novos alunos para o segundo semestre de 2016.

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.
Ciclo Peças
JBuarque